O que é Keffir?

Contact us

O que é Keffir?

 

De origem antiga e aparentemente misteriosa, na antiguidade, o Kefir era conhecido como a “bebida do profeta”, fazendo referência ao fermento usado para prepará-lo: “Grãos do profeta Maomé”. O kefir teve sua origem nas montanhas do Cáucaso, onde, acredita-se que os caucasianos descobriram que o leite fresco ao ser carregado em bolsas de couro, poderia ocasionalmente fermentar, resultando em uma bebida efervescente.

Durante séculos, o Kefir tem sido utilizado na medicina popular européia e asiática, devido as suas propriedades nutritivas. Os grãos de kefir que são usados para fermentar bebidas, também chamados de Cogumelos Tibetanos, Plantas de Iogurte e Cogumelos do Iogurte; são constituídos por diferentes microrganismos que ajudam a regular o intestino.

É um produto composto por leite fermentado (leite de vaca, cabra ou ovelha) que tem gosto de iogurte natural. A bebida contém altos níveis de vitamina B12, cálcio, magnésio, vitamina K2, biotina, folato, enzimas e probióticos. Seus valores nutricionais podem variar, de acordo com o leite do qual ele é feito. No entanto, mesmo com variação na gama de valores, trata-se de um alimento extremamente nutritivo.

Ele é rico em nutrientes probióticos, e é incrivelmente útil para melhorar a digestão e a saúde intestinal.

Por conta do seu conjunto único de nutrientes, pesquisas mostram que ele pode contribuir para:

ü    Impulsionar a imunidade;

ü    Tratar doenças Inflamatórias Intestinais;

ü    Construir Densidade Óssea;

ü    Lutar contra alergias;

ü    Melhorar a digestão da lactose;

ü    Matar o Fungo Cândida;

ü    Desintoxicar o organismo.

Estes são apenas alguns dos benefícios desse alimento, caso seja consumido diariamente.

 

Kefir Emagrece?

Kefir é um alimento de baixo teor calórico e seu consumo auxilia no emagrecimento por proporcionar saciedade, fazendo com que você sinta menos necessidade de realizar a ingestão de alimentos; além de melhorar o funcionamento intestinal.

Alguns estudos já descobriram que a população microbiana de pessoas que sofrem com o excesso de peso, é diferente da população microbiana das pessoas que estão em seu peso ideal. Por esta razão, entendemos que parece existir uma ligação entre a obesidade e o tipo de bactéria intestinal.

Nesse sentido, segundo alguns especialistas, várias bactérias presentes no kefir podem favorecer a perda de peso. Entretanto, é preciso ressaltar que o Kefir, sozinho, não faz milagres, ele apenas colabora para o emagrecimento. Para que você consiga perder peso, é necessário uma alimentação adequada e hábitos saudáveis, como por exemplo, a prática de exercícios físicos.

 

Sistema Imunológico

Você sabia que mais de 75% do sistema imunológico está alojado no sistema digestivo?

Essencialmente, trilhões e trilhões de “boas” bactérias e fungos que vivem no intestino são responsáveis por matar os “maus” microorganismos, e isso mantém você vivo e com saúde.

Então, o que acontece quando você toma antibióticos de maneira errada?

Você literalmente está matando as bactérias boas do seu organismo, possibilitando que as bactérias ruins se proliferem. Isso perturba a simbiose (equilíbrio) de sua microbiota, que levará a problemas digestivos e reações imunes.

Uma alimentação correta ajuda a restabelecer o equilíbrio das bactérias do intestino e alguns estudos, ligam desde o Autismo à maioria das doenças crônicas, à síndrome do intestino permeável e à digestão inadequada. Ou seja, ter hábitos alimentares saudáveis colabora diretamente a sua saúde.

 

Benefícios Para a Saúde

Os “grãos de kefir”, na verdade, não são grãos, eles são um delicado equilíbrio de leveduras e bactérias, que são capazes de fermentar o leite em cerca de 24 horas, os grãos de kefir podem transformar o leite cru em uma bebida probiótica e refrescante que tem vários benefícios medicinais.

 

1- Combate Ao Câncer

O consumo de alimentos fermentados é benéfico para o tratamento de diferentes tipos de tumores cancerígenos.

 

2- Melhora a Saúde dos Ossos

Consumir esse probiótico beneficia a densidade óssea e pode reduzir o risco de osteoporose. Pesquisadores descobriram que a bebida fermentada aumenta a absorção de minerais essenciais para a construção do osso, como cálcio e magnésio.

 

3.      Reduz A Inflamação Intestinal

Devido às altas doses de probióticos, incluindo as estirpes de lactobacillus e bifidobacterium, o Kefir é também um tratamento natural e eficaz para a síndrome do intestino irritável. Estudos descobriram que alimentos ricos em probióticos podem ajudar a reduzir a inflamação intestinal.

 

4.      Reduz Alergias E Asma

O Kefir possui efeitos positivos sobre alergias e asma. Ele suprimiu significativamente marcadores inflamatórios de interleucina-4, células T auxiliares e imunoglobulinas IgE.

Ele possui fortes propriedades antiinflamatórias que poderiam ser úteis na prevenção da asma.

 

5.      Melhora a intolerância à Lactose

Esse probiótico pode ajudar pessoas com intolerância à lactose. Isso ocorre porque a fermentação muda a composição química dos alimentos. Dessa forma, se você luta com problemas relacionados à lactose, tente adicionar o kefir à sua dieta em pequenas quantidades.

Um estudo publicado no Jornal da American Dietetic Association, mostrou que a bebida fermentada melhora a digestão da lactose e a tolerância em adultos com má absorção de lactose.

Se você teve intolerância à lactose, meu conselho é começar colocando uma pequena gota de kefir no interior do braço ou no pulso e deixe secar.

Então espere 24 horas e veja se você tem alguma inflamação, e se não houver problemas, tente adicionar apenas uma gota ou duas a uma bebida ou a alguma comida e veja se você tem alguma reação. A quantidade vai aumentando, até que você esteja certo que não está reagindo a ela. E como com qualquer alimento ou dieta, certifique-se de sempre ouvir o seu corpo.

 

Tipos De Kefir

Para quem tem intolerância aos laticínios, existem outros tipos de kefir que ainda são ricos em probióticos e saudáveis, mas que são completamente livres de lactose.

Existem essencialmente dois tipos principais de kefir, e eles diferem de várias maneiras.

Os dois tipos de kefir são: kefir de leite (feito de leite de vaca, de ovelha ou de cabra, mas também de leite de coco) e kefir de água (feito de água açucarada ou de coco, ambos não contendo leite).

Embora o líquido de base, utilizado em diferentes tipos de kefirs, possa variar, o processo para a fabricação dele é o mesmo e os benefícios para a saúde estão presentes em ambos os tipos.

Todo o kefir é feito usando o “grão de kefir” e devem ter açúcar naturalmente presente, ou então adicionado, para permitir que as bactérias saudáveis cresçam e para que o processo de fermentação ocorra corretamente.

No entanto, não se preocupe com esse probiótico pobres em açúcar, pois a levedura ativa, essencialmente, “come” a grande maioria do açúcar do leite, durante a fermentação.

E tem mais, tendo acesso aos “grãos de kefir”, você pode fazer o seu próprio Kerfir em casa.  

 

Para fazer é simples:

 

Adicione uma colher de sopa de grãos à 500 ml ou 1 litro de leite (se for o Kefir de leite), água (se for o kefir de água) ou água de coco;

Deixe ficar em temperatura ambiente fermentando de 12 a 36 horas, em um pode de vidro sem tampar (mas evite a presença de insetos no leite), cubra a boca com um guardanapo e para fixar, amarre um elástico na boca, segurando o guardanapo;

Após o período de fermentação, escorra o líquido com um pano de queijo (para tirar o soro) ou um coador; separando os grãos do probiótico do iogurte;

Não use colher de metal para manusear os grãos de kefir;

Lave o vidro em que o probiótico ficará, feche o pode como descrito acima;E o seu iogurte ficará pronto para usar.

Share this post?

Colégio Bezerra de Araújo